Uma casa em ruínas

Sobre a urgência de amar, todos os dias. Era preciso começar pelo amor, só que nenhum dos dois sabia como. Ficou esquecido entre as certezas iludidas de que já se tem o que outrora se quis. Ficou perdido entre as sombras que escurecem a verdade

a mais social da semana

As pessoas precisam de palavras como se o mundo só existisse porque há as palavras a dar-lhe sentido. As pessoas adoram palavras, principalmente as suas. As pessoas falam muito e ouvem pouco. As pessoas não sabem que o silêncio também sabe falar.

A dança da sedução

Sobre o aparente bailado da sedução – eu danço. Primeiro com os olhos fixos, a seguir, com os pés soltos, depois com as mãos coladas e, por fim, com o corpo todo. Só assim vale a pena dançar. Não me leves a mal, embora seja

As Mais Sociais no Facebook

Gostas desta taberna? Então espalha as palavras ;)